Pesquisando

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

[lolz] Sozinho (O livro perdido na estante errada)

Me veio essa inspiração maluca após ler metade do livro "Encontros" do Tom Zé:
A letra cês vão reconhecer de quem é, mas como o assunto é abrangente para o próximo semestre que está se aproximando, irei deixar minha contribuição pelo semestre que se passou...

"Às vezes no silêncio da estante
Eu fico imaginando nós dois
Eu fico ali sonhando acordado
'O que você deve estar pensando?', no antes, no agora e o depois

'Por que você me deixa tão solto?
Por que não tem um chip de identificação colado em mim?
Tô me sentindo muito sozinho'

Não sou nem quero ser o seu dono
Dar baixa no sistema às vezes cai bem
Eu tenho os meus desejos e planos secretos
E você escondido em alguma prateleira por outro alguém

Por que você esquece e some?
E se eu não dar mais baixa em ninguém?
E se de repente, o inventário é essa semana?

Quando a gente cataloga
É claro que a gente cuida
Estagiário fala que foi Dewey
Só que é da boca pra fora

Ou você foi em MARC
Ou será que foi em CCAA2?
Ai, ai, ai, ai, ai.
Onde está você agora?

Quando a gente cataloga
É claro que a gente cuida
Estagiário fala que foi Dewey
Só que é da boca pra fora

Ou você foi em MARC
Ou será que foi em CCAA2?
Ai, ai, ai, ai, ai.
Onde está você agora?"

(Livro escondido na estante errada acenando frenéticamente atrás do bibliotecário para achá-lo bem rápido)