Pesquisando

Mostrando postagens com marcador Noldor Ferrado. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Noldor Ferrado. Mostrar todas as postagens

sábado, 10 de outubro de 2015

só pra não esquecer: bete, a gata

Le Mademoiselle Elizabeth Vanessa Danny Morgan da Silva Sauro dos Noldor Ferrado nasceu no dia 20 de agosto (Isso tive certeza), apareceu aqui em casa 1 semana atrás e já colocou o Walter em seu devido lugar.

A moçoila é educadinha, limpinha, super organizada e ensina umas lição de moral bem bunita pro mais velho. Suspeito que algum dia (espero), ela dê uns tapas nele pra aprender a ficar esperto e não tr0llar tanto.

Antes que eu vire a tia maluca dos gatos, 2 parece ser uma equação razoável para o momento: Zé Bunito Walter tem companhia e ganhei uma estagiária empenhada na Morada de Morfeu (Nunca vi mocinha dormir tanto, sô!). As coisas estão indo bem, cada um se acostumou com cada um e bora lá que tem mais zoeira felina no feriadão!!

FÉ EM DELZ DJ!!


Por ser uma pessoa estranha e metida em storyteller, a origem do nome Bete não é irrelevante, tá? O background não é tão dramático quanto o do Walter, mas...

Debaixo do link, a explicação e mais fotos!!

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

[video] Sand in my shoes - Dido

E após uma noite de Ano Novo lotada de destilados, doces, travessuras e gostosuras na praia de Santo Antônio de Lisboa (awesome awesome awesome), a única música que me vinha na cabeça ao amanhecer com alguns graus a mais de miopia movida à alcool era:




sábado, 14 de dezembro de 2013

Thranduil, invejo vossas madeixas

Entonces,

Não irei ver O Hobbit, logo aceito major spoilers de tudo quanto é tipo. Só pesquisando a opinião do povo pelas interwebs e parece que a amiga imaginária do Legolas - Tauriel - está fazendo mais sucesso que o próprio (Tell me something I DON'T KNOW YET), mas não menos que os cabelos do Thranduil.

THE FAAAAAAAAAAABULOUS THRANDUIL'S HAIR!!!

Porque durante esse tempo todo que vi os promos e os gifsets e tudo mais, a única coisa que me vinha a cabeça quando tinha algo sobre O Hobbit eram os cabelos dourados da peruca linda do Rei dos Silvestres.

E não é L'Oreal nem Garnier Fructis. Tenho que respeitar: entre os cabelos lambidos de Sindar ou os revoltosos do Noldor, aquele hairstyle está beirando a 8ª maravilha de Arda (Srsly? No way alguém viver numa floresta úmida, dentro dum reino perto de cavernas, clima estranho e pesado e ter um FAAAAABULOUS HAIR daqueles...).

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

fëanorices enraizadas


"Se você deseja viver primeiro precisa assistir ao próprio funeral"
(Katherine Mansfield)

Nunca tive afinidade com o parente, aliás, o desprezava com certa animosidade sem causa alguma. Apenas uma sombra no passado, um nome a ser lembrado com temor, uma lenda longe do meu alcance. Um personagem fictício de um dos meus livros favoritos e que sem querer me influenciou muito desde que me entendo como pseudo-escritora. Não é que eu simpatizava com a figura - ele era um puta dum babaca do começo ao fim - mas muitos comportamentos ali me traziam certa familiaridade. O complexo de Édipo não resolvido, a vontade de territorializar seus parentes, o discurso inflamado antes de sair de Valinor, o olé na hoste de Fingolfin, a queimação de filme (e de barquinho) no porto de Alqualonde.

Tiremos a parte de correr atrás de brilhinhos, isso é ridículo.
#ProntoFalei

Quando eu criei a Hariel (Com I ainda até descobrir que tem um anjo na cabala que tem esse nome, nada feliz!), eu a tinha como essa criança super empolgada com livros e a história da família - Noldor principalmente - e que queria explorar o mundo em aventuras bobas aos arredores de Lórien. E assim foi a pequena elfa da Casa de Celeborn e Galadriel, toda pimpona, gingando pelos telain, irritando a sobrinha Arwen e causando confusão por ser impetuosa demais. Era uma personagem persistente em minha escrita, sempre quando estava escrevendo algo era de certa forma remetido a ela. A Hariel virou Haryel, herdeira de uma Casa já minguada, tensa por estar entre os dois mundos e ver a ascensão do mundo dos Humanos sobre o seu. Era melhor nunca ter deixado os telain não é?